A percepção da autonomia está diretamente ligada à liderança. Não podemos falar sobre autonomia sem entender como o líder está se relacionando com sua equipe. O microgerenciamento atrapalha a percepção e muitas vezes dificulta entregas mais rápidas. Até mesmo em tarefas em que processos já estão bem definidos, ainda há espaço para autonomia: seja por meio de escuta e sugestão de melhorias. O importante é entender como desenvolver a autonomia do time sem perder a produtividade e velocidade das entregas. O caminho para isso é a escuta, clareza nas diretrizes gerais e grande suporte da liderança no autodesenvolvimento.


  • Alinhamento e clareza nas estratégias da empresa

Quando as boas práticas da empresa não estão visíveis para todos, o processo de tomada de decisão e entendimento da autonomia ficam frágeis. O alinhamento das "regras do jogo" traz o fortalecimento da autonomia experienciada pelos colaboradores no dia a dia.


"A comunicação está ruim nesse ponto, pois é dito que temos autonomia, mas na prática o direcionamento muda semana a semana, sem clareza, ou sem os agentes responsáveis pela mudança participando dos alinhamentos. Eu me sinto perdido na [Empresa] pois as regras do jogo mudam e não ficam claras, quando relato os casos para gestão, acontecem de tentar virar o jogo para mostrar o quanto eu não faço as perguntas, mas quem é responsável por avisar que mudaram as regras?"

"Desde sempre e ainda hoje a [Empresa] me confere autonomia total para resolução das minhas atividades por aqui, entretanto é importante salientar que já foi manifestada pelos novos membros do nosso board o interesse em reduzir um pouco a nossa autonomia para ampliar alguns resultados da empresa, uma vez que a autonomia para o nosso time significauma volatilidade maior nos resultados diretos da empresa."

"Obviamente, desde que respeitando prazos e prioridades que me são informados."

"Com método ágil e presença da [equipe] nas planning ajuda entender por meio da voz dela a expectativa para próxima sprint, mas todo o detalhamento é feito com autonomia do time."


  • Suporte da gestão

O papel da gestão na autonomia dos colaboradores é essencial, uma vez que é responsabilidade dos líderes desenvolver as habilidades de autogestão e gerenciamento de tarefas individuais. A liderança precisa dar suporte e espaço para que aconteça o desenvolvimento em suas equipes.


"Sim, minha chefe me dá a liberdade de decidir a melhor forma de realizar minhas atividades, sem deixar de coordenar constantemente, o que me ajuda a avançar nos meus problemas."

"Sim, tenho autonomia para desempenhar minhas atividades, mas sempre compartilho com meus gestores as medidas e ações que estou pensando e executar. Sempre buscando a melhor solução."

"Sim, tenho total liberdade para opinar e sugerir a melhor forma de realizar as atividades. Quando necessário meu gestor expõe seu ponto de vista, mas sempre bem flexível."

"Meu gestor raramente interfere na minha maneira de trabalhar, e quando ele precisa falar alguma coisa sobre isto ele discuti abertamente e sabe ouvir muito bem e pondera sobre tudo, deixando cada profissional executar suas atividades da melhor maneira que cada um definiu para si."

 "Mas como sou uma profissional Jr também sou bastante assistida e acompanhada por minha líder e isso me dá uma maior segurança nessa autonomia."

"Me sinto totalmente livre e amparada para desempenhar minhas funções da forma mais adequada e possível"


  • Abertura da gestão

Além de dar suporte, é importante estar aberto para ouvir sugestões, melhorias e direcionamentos que a equipe traz. Muitas vezes, a vivência do dia a dia em rotinas, processos e entregas trazem novas visões e inovações valiosas. Portanto, é importante o líder estar atento e receptivo às sugestões.


"Apesar da resposta ser sim, na prática eu sugiro para meus superiores 'que tal eu fazer assim'? e depois, se aprovado, eu mudo. Na maioria das vezes é aprovado visto que as sugestões são de fato, melhorias na maneira de fazer as coisas" 

"Na [Empresa] somos sempre encorajados a ter atitude de dono e sermos arrojados em nossas decisões. Pensar fora da caixinha." 

"Sou livre nas tomadas de decisões e fico à vontade em tomá-las, porém sempre comunico o meu supervisor imediato para não fugir ou passar por hierarquias."

"Trabalho com uma gestora que decide o que deve ser feito e não aceita sugestões da equipe."

"Na verdade minha chefe nem escuta nossas opiniões. Quando sugerimos algo tem que ser da maneira dela."


Sentimentos identificados


Microgerenciamento

"Não, no passado até tinhamos um pouco mais, agora o modelo de gestão segue uma linha de microgerenciar, embora se perguntado, o gestor irá dizer que não realiza isso, na prática realiza. Quando decidimos algo de nossa própria cabeça sem antes pedir autorização, somos questionados de forma incisiva o motivo e instruidos a não fazer mais este tipo de coisa."

"o micromanagement na chefia é tão grande que nossa autonomia nos trabalhos é bem limitada"

"Sempre preciso pedir opinião para meu gerente ou diretor."

"Tudo é micro gerenciado, as entregas são aceleradas e não temos feedback dos clientes e nenhum tipo de medidor para saber se as entregas foram efetivas."


Autonomia gera fluidez e pode melhorar produtividade

"Sim e essa autonomia faz com que minhas entregas sejam mais fluidas e agilizadas."

"Logo no início recebi autonomia para executar meu trabalho. Isso facilita, pois o processo flui melhor, já que não tenho que perguntar sempre se pode isso ou aquilo. Claro, seguindo algumas diretrizes previamente definidas."

"Consigo ter muita liberdade nas minhas entregas. O que ajuda bastante na fluidez das entregas!" 

"Sempre informo meu responsável por decisões que tomo autonomamente.

Tenho essa abertura isso agiliza muito nosso trabalho"

"Sim, meu gestor me dá toda autonomia e confiança para escolher qual caminho seguir em momentos decisivos."


Ter autonomia pode ser motivador

"Total autonomia. Há uma assistência, claro, mas as decisões em relação a como ordenar e criar, efetivamente, estão 100% sob minha alçada, e isso é maravilhoso porque não limita absolutamente nada. =D"

"Tenho total autonomia, fico muito feliz em ter essa oportunidade, pois é algo que motiva extremamente o profissional."

"Totalmente, acredito que seja um dos melhores fatores da empresa, a total capacidade de decidir, qual momento, forma e maneira de se executar uma tarefa."

"Autonomia e liberdade, para estudar e criar maneiras que eu consiga desenvolver minhas atividades com maior praticidade. Sinto também que tenho muita liberdade de expressar minhas opiniões sobre as tarefas, assim junto com a minha equipe podendo sempre fazer o melhor!!"