Para que você alcance o crescimento da sua empresa é preciso que o diálogo seja aberto, pois a contribuição de todos no time trará visões complementares e inovadoras. Além disso, permitirá que o ambiente seja saudável e que todos estejam alinhados e esclarecidos quanto aos objetivos da empresa.


Melhores práticas identificadas

  • Ter um canal de comunicação aberto

Estar disponível para os colaboradores da equipe mesmo sem uma agenda específica. 

"A minha gestora direta e extremamente aberta a sugestões e reclamações. Não tenho dificuldade alguma de conversar com ela, mesmo em momentos fora do One on One."

"Possuo um canal muito aberto com o meu gestor direto. Inclusive por diversos momentos não estive muito bem por motivos pessoais e sempre me deu um suporte completo, não apenas como líder, mas como amigo. Isso impacta demais, de saber que tenho com quem contar."

"Sinto que ela é bem aberta a conversas e também está sempre estimulando comunicação sobre o trabalho"

"Acredito que o [Gestor] crie um ambiente confortável e muito aberto ao time, nos colocando a vontade para falar, ou quando ele mesmo nos procura para falar de qualquer tema, sua abordagem é confortável e confiante."

  • Humanização da relação

A empatia e humanização do diálogo favorecem a abertura na relação e promove a transparência e a resolução de conflitos.

"Total! [Gestor] é realmente bem aberto e humano, então não há nada que não me sinta inibida em abordar."

"Um gestor muito humano no trato, conhece muito do assunto e está sempre aberto para críticas."

"Sim, meu gestor sempre se mostrou muito aberto com relação a qualquer tipo de troca, além de possuir uma empatia muito forte em conseguir se colocar no lugar do próximo."
"falta de empatia. Não sinto que o que eu falo é ouvido, mas sim sempre julgado e usado contra mim. Por muitas vezes sinto humilhação :("

"O meu gestor direto me permite diálogo franco e objetivo sobre os assuntos inerentes sob minha responsabilidade. É um bom ouvinte e dá a devida atenção ao assunto."

"Sim, minha gestora é uma pessoa extremamente solicita e preocupada com o Time, além de extremamente calma e paciente na resolução dos problemas, é muito bom trabalhar com ela e ter este tipo de liderança como referência. Estou muito satisfeito com a forma que lida com todo o time."


  • Ficar atento aos retornos necessários pós diálogo

Muitos conteúdos necessitam de retorno por parte dos líderes e a qualidade dessa retroalimentação irá favorecer ou desfavorecer o diálogo entre líder e liderado.

"Me sinto confortável para conversar com todos os gestores e com qualquer pessoa dentro da organização, porem sinto que as coisas se perdem pelo caminho, apesar de toda a atenção, não temos retornos, o que faz com que o colaborador perca o entusiasmo, o conceito de via de mão dupla não funciona muito bem."

"Sim. Não vejo barreiras para falar com os gerentes e diretores e até mesmo com o presidente. Não tive problemas até agora em mostrar o que penso. 

Porém, às vezes (não é sempre) sinto que a comunicação não tem retorno... Como se o que o colaborador fala fica solto... Dá uma sensação de abandono, de desatenção..."

"Creio que seja preciso apenas mais retornos e atitudes defendendo o setor."

"Temos encontros pontuais sempre que necessário, não tenho qualquer dificuldade nas minhas solicitações, sempre pontual e esclarecedor o retorno. Temos também uma agenda recorrente 1:1."



Sentimentos identificados


Agenda restrita, gestor com pouco tempo disponível

"A gerente é bem aberta para conversar, ouvir, receber e dar feedbacks. O problema é agenda: é muito difícil agendar uma conversa com ela, mesmo que seja de 30 min, em função da indisponibilidade dela."

"Super tranquilo falar com o [Gestor] nos momentos que preciso, a agenda é complicada mas o bate papo sempre muito produtivo."

"Os gestores a quem me reporto são acessíveis para conversar, estão dispostos a ouvir, desde que haja um espaço na agenda, que por sinal, sempre está repleta de compromissos."

"Vejo que temos muita liberdade para conversar com o gestor. Sua agenda parece muito concorrida mas sinto que caso eu precise ele está disposto a reservar alguns minutos para conversarmos"

"às vezes é difícil achar um horário pra conseguir ter uma conversa sem ser muito rápida.. é confortável falar com a pessoa em si, desconfortável é achar o horário certo que não atrapalhe os afazeres do gestor, ainda mais em home office que nunca sabemos quão atarefada a pessoa está e, por isso, demora pra responder ou não tem tempo para mais uma call no dia."


Transparência na comunicação gera uma relação de confiança entre colaborador e gestor

"A relação que construí com o meu gestor direto é muito transparente ... isso me faz me sentir bem confortável para abordar qualquer tipo de assunto"

"Sim, me sinto super a vontade para ser sincera em nossas conversas, mesmo quando minhas ideias não são tão geniais, ou quando só reclamo para desabafar. Sinto que a sinceridade e transparência na postura da minha atual gestora, me deixa mais confortável."

"Sim, acredito que quando há uma troca de transparência e confiança, qualquer tema, sendo profissional ou social, flui. No meu caso, tenho essa segurança de conversar sobre qualquer tema."

"Minha gestora está sempre presente, conversando, questionando então estou criando uma relação de muita transparência e confiança."


Assuntos de desenvolvimento de carreira provocam maior insegurança no diálogo

"A [Gestora] é uma gestora bastante acessível, paciente, aberta em receber novas ideias e tem uma escuta muito ativa. Me sinto totalmente confortável e seguro em colocar qualquer tipo de assunto com ela, sem receio de qualquer tipo de repreensão. Percebo no entanto que poderemos criar um espaço para discutir um pouco mais sobre desenvolvimento e carreira"

"nesse momento fico mais receosa por estarmos em quarentena e estarmos um pouco distantes, mas gostaria muito de saber sobre proximos passos, promoções..."

"Sim, na maioria das vezes. Porém depende do assunto. Quando o assunto são processos, problemas da área para resolver, dia a dia, me sinto bem confortável. Mas assuntos como funções do cargo, salário, pontuar algum problema de outra área ou pessoa, fico insegura (essa insegurança sempre tive em todos os empregos que tive na vida, vejo que é algo a ser trabalhado em mim. Mas não descarto que esse tipo de assunto também é bem delicado de se falar com qualquer gestor, de qualquer empresa)."

"Tenho encontros quinzenais com a minha gestora, o 1:1, falamos sobre carreira, plano de desenvolvimento, feedbacks, sensações e receios. 

Esses 40 minutos de troca tem sido muito importante no meu desenvolvimento. 

Gostaria que todos os liderados pudessem ter uma líder como a qual eu tenho. 

Aliás, como sugestão, poderiam colocar algum tipo de treinamento sobre como conduzir um tipo de 1:1 para os líderes, pois sei que nem todos possuem essa oportunidade no time."