A palavra propósito significa objetivo e, quando falamos na vida profissional, é uma das conexões que temos com a empresa na qual trabalhamos. Passamos boa parte do nosso dia trabalhando, por isso, acreditar no objetivo do negócio é algo que engaja e motiva. Para isso, definir o propósito, comunicá-lo ao time de forma clara e trazer a liderança como patrocinador desse objetivo são as práticas do mercado para ajudar as pessoas colaboradoras a crer no propósito.


Melhores práticas identificadas

  • Ter o propósito bem definido e divulgado

O primeiro passo para cativar as pessoas colaboradoras a acreditarem no propósito da empresa é defini-lo muito bem, deixando claro sua compatibilidade com a realidade da organização. A partir disso, espera-se que a disseminação desse propósito aconteça em várias esferas, processos e, o mais importante, nas pessoas. Tanto a definição quanto a comunicação clara e objetiva facilitam a aderência e engajamento do propósito. 


Sim. “Temos um propósito claro e bem definido, onde todas as áreas trabalham em uníssono em prol do objetivo.”

Sim. “Propósito bem definido faz parte da estratégia de atuação do nosso negócio, alinhando e engajando todos os envolvidos.”

Sim. “Os objetivos são claros e bem definidos.”

Sim. “Sim. Contudo, poderiam reforçar e deixar mais claro para todos da empresa.”

Sim. “Hoje é algo intuitivo, não existe claro e objetivamente qual é o proposito da empresa. Acredito que isso tem que ser escrito e exposto para os stakeholders em nosso ecossistema.”

Sim. “Sim, mas acredito que precisa ser um assunto mais presente no dia a dia para que ele faça sentido e que seja algo claro para todo.”

Sim. “Eu acredito que a [Empresa] tem o intuito de sempre fazer o melhor para seus clientes, mas não sei se esse e exatamente o nosso propósito. Ainda não tenho isso claro”

Não. “Na minha visão a [Empresa] ainda não tem um propósito claro e definido. Como a [Empresa] vai ajudar a criar um mundo melhor?”

Sim. “A [Empresa] se reinventa frequentemente, contudo, sem abrir mão de seus valores e princípios. Isto faz com que sua credibilidade ainda cresça mais junto a seus colaboradores. Uma estrutura arrojada, dinâmica e de uma gestão eficiente faz toda a diferença.no olhar para o futuro.”


  • Refletir o propósito da empresa nas ações do dia a dia e ser de fácil acesso para todos

Após a definição e comunicação do propósito chegou o momento de aplicá-la no dia a dia. Importante incorporar o propósito nas rotinas e dinâmicas práticas dentro dos times para que não haja conflitos entre o que é falado e feito dentro da organização.


Sim. “Porém com algumas ressalvas. Nosso proposito é: [proposta] porém muitas vezes alguns processos internos não se modificaram ao ponto de facilitar essa transformação. Estamos crescendo, e por isso precisamos nos transformar, buscar soluções dentro de casa a todo momento e assim transformar o mercado. Sabemos da responsabilidade que temos, mas é preciso abrir mais a mente para a transformação.”

Sim. “O propósito é factível, mas sinto falta de acompanhamento e atualização sobre o que o mercado demanda. Além disso, há pouca abertura para sugestão de ideias e retorno para as ideias levantadas, para incentivo de participação dos colaboradores neste propósito.”

Não. “Infelizmente tenho visto ações contrárias aos valores e propósitos pregados pela empresa. O próprio CEO é um grande exemplo disso.”

Não. “O discurso não caminha junto à prática”

Não. “Essa pergunta não tem uma resposta definitiva para mim. Mas vejo alguns processos e visões que vão contra o propósito da empresa, enfraquecendo-o ao meu ver.”

Sim. “Para mim fica muito claro o propósito da organização! Sinto que respiramos isso no nosso dia a dia”


  • Liderança ser exemplo do propósito

Definir e utilizar o propósito no dia a dia passa pelo comprometimento das lideranças, afinal, são essas pessoas as responsáveis por serem exemplos dentro da organização. As pessoas colaboradoras tendem a se espelhar nos comportamentos e valores dos seus líderes, por esse motivo, trazer a liderança como patrocinador do propósito é essencial para a disseminação do mesmo.


Sim. “Nada mais motivador que a visão de um líder sonhador”

Não. “Acredito, porém precisamos de lideranças que acreditem da mesma forma e se esforcem para entender esse novo mercado, novas formas de aquisição, novas formas de trazer o cliente para [Empresa].

Do mesmo jeito que precisamos de um time de tecnologia comprometido em não só codar os códigos, mas sim em entender o produto e fazer da melhor maneira que puder para entregar ao cliente final.”

Não. “Acredito no proposito da empresa, porem acredito que precisa haver a colaboração de todas as lideranças e com isso incentivar seus liderados a também acreditar  e fazer acontecer todas as propostas.”Sim. “Porém a liderança deixa bem claro  q o propósito é outro e fofoca conversinha..”

Sim. “Sim, pela filosofia da empresa, e pela administração do gestores.”


Sentimentos identificados

  • Não está claro para os colaboradores qual é o propósito da empresa

Não. “O propósito não é claro para mim”

Não. “Não é claro pra mim o propósito, mas eu não sinto identificação com o segmento.”

Não. “Bom dia! Refletindo um pouco sobre a pergunta, não me recordo de forma objetiva, qual é o proposito da empresa.”

Não. “Não sei informar hoje qual é o propósito da empresa.”

Não. “Não sei qual o propósito da empresa”

Não. “Nem entendo qual o propósito”


  • O propósito da empresa é fator motivacional


Sim. “Muito, é muito parecido com meu propósito, por isso amo trabalhar na [Empresa]”

Sim. “Sou apaixonada pela causa da [Empresa] e o propósito é uma dos pontos que me mantém motivada todos os dias.”

Sim. “Acredito no propósito porque posso sentir isso em cada colaborador, que veste a camisa da empresa e se dedicam em cada ação.”

Sim. “Acredito demais. Inclusive esse é um dos principais motivos que me fazem trabalhar todos os dias é o nosso propósito.”

Sim. “Com certeza, acredito nos objetivo da empresa, por isso faz sentido para mim trabalhar aqui, a [Empresa] está em processo de crescimento e eu posso me desenvolver como profissional nesse processo, aprendo todos os dias e tenho a oportunidade de ensinar também.”

Sim. “Cada dia que passa fico motivada em dar o meu melhor, porque vi algo nessa empresa que não tinha visto em nenhuma outra: Respeito e reconhecimento pelo colaborador. De coração, tenho orgulho em fazer parte da [Empresa]!